MANIFESTO ÁGORA DO AGORA

Aos homens e mulheres que fazem acontecer…

Saibam que a maioria das grandes catástrofes aconteceram OU por medo do futuro OU por rancor do passado. Precisamos nos libertar daquilo que não podemos tocar, nem influenciar. Aquilo que representa a pura ilusão e atraso, e que não nos leva a lugar nenhum.
Só há movimento no presente, por que o presente é o único lugar do real. Não se aprisionem no intangível. Acredite na duração do agora, real e verdadeira. Usufruam o Tempo e teremos um mundo melhor.

O presente nos liberta e nos permite aproveitar o que está acontecendo agora. O Aqui e Agora é breve, só dura uma vida.

SOBRE A LIGA

CRENÇA

Os maiores erros da humanidade foram cometidos por medo do futuro ou rancor do passado. O homem, sem pensar, acaba agindo como um fantoche do Tempo quando permite que sua mente divague para outros momentos, iludindo-se com as memórias do passado, ou com teorias especulativas de um futuro por vir.

Só existe a verdade pura no presente. É apenas vivendo cada momento, que conseguiremos realmente compreender preciosidade do Agora.

MOTE

“A mente que viaja no tempo vive em um constante faz de contas

VALORES

Cultuamos a intensidade, a entrega total aos acontecimentos. Buscamos seguidores que compreendam a importância em se estar presente de corpo e alma em cada segundo vivido.

VISÃO: O QUE DEVE SER FEITO

Devemos parar o Tempo e viver o momento presente.

INFORMAÇÕES SOBRE O LÍDER PETER STONE

Peter Stone ocupava a posição de Conselheiro Ponderador de Decisões na Ordem dos Guardiões do Tempo. Era responsável por balancear as opiniões colocadas no conselho, ponderando razão e emoção e fornecendo equilíbrio em Tempos de Crise.

Extremamente sincero, Peter desde pequeno sempre agiu de acordo com suas crenças, tornando-se, mais tarde, um íntegro orador.

Seus antepassados, Alquimistas vindos da África, que já dominavam as fórmulas curativas dos Orixás, passaram um legado de conhecimento a todos os homens da família Stone.

Peter Stone nasceu na sede da Ordem. Seu pai, Marcus, ocupava a posição de chefe dos Alquimistas e infelizmente deixou Peter muito cedo, fazendo com que ele aprendesse em sua infância a importância de se aproveitar cada momento presente.

Após a perda do pai, Peter decidiu explorar outras de suas habilidades além da Alquimia e tentou com sucesso a vaga do Conselho. A partir desse momento, determinou que não pensaria no passado e nem planejaria o futuro, explorando apenas a riqueza do Agora.